Gestão de SST na indústria em ERPs mundiais: 5 passos para o compliance

por | 18/03/2022 | HCM

A gestão de SST na indústria tem como objetivo garantir condições e ambientes de trabalho mais seguros e saudáveis para todo os funcionários. Quando bem aplicada, a empresa consegue prevenir acidentes e adoecimentos relacionados às atividades – algo recorrente ainda em muitas indústrias.

Além deste ponto, uma boa gestão de SST permite que a empresa fique em dia com suas obrigatoriedades acessórias em relação aos seus trabalhadores. Trazendo a tranquilidade tanto para a gestão quanto para os próprios colaboradores.

Mas, a pergunta que fica é: como garantir o compliance na gestão de SST na indústria? É exatamente isso que responderemos a seguir. Confira 5 dicas para assegurar uma gestão eficiente e prática.

Boa leitura!

1. Faça o levantamento inicial da situação

Antes de qualquer aprimoramento primeiro é preciso saber a real situação da sua gestão de SST. É importante fazer uma análise através de perguntas para entender todo o cenário. Questões como:

  • Qual é o histórico de acidentalidade e adoecimento da empresa dentro da indústria?
  • Quais são os requisitos legais que precisam ser atendidos?
  • Como está o desempenho comparado com o segmento?

Além de apontar as necessidades e a situação da gestão de SST, esse questionário se torna importante para apresentar à gerência e solicitar os investimentos necessários.

2. Inicie um planejamento para a sua gestão de sst

Com o cenário atual da sua empresa identificado, o segundo passo é iniciar o planejamento para atender a essa política. É uma ótima maneira para não errar neste ponto é focar em alguns tópicos fundamentais, por exemplo:

Requisitos legais: é importante levantar os requisitos legais que precisam ser atendidos por sua empresa.

Avaliação de riscos: identificar, analisar, avaliar e estabelecer as medidas de redução ou controle dos riscos presentes na empresa trabalho.

Objetivos: com base na avaliação de riscos e levantamento dos requisitos legais, deve-se traçar metas realistas a serem alcançadas.

3. Implemente as ações necessárias para uma gestão de sucesso

Com os objetivos estabelecidos e os pontos mais importantes levantados, chegou a hora de colocar em prática: implementar as ações para que as melhorias pensadas resultem em melhores condições de trabalho para todos e o número de acidentes diminua consideravelmente.

Para isso, algumas etapas são essenciais:

  • Substituir as fontes de perigo por outras menos agressivas;
  • Eliminar os perigos e reduzir ou controlar os riscos;
  • Controles administrativos ou organizacionais;
  • Controles com medidas individuais (EPIs);
  • Eliminar os perigos imediatos.

4. Faça o acompanhamento das medidas realizadas

Como diz aquela expressão bastante conhecida: “O que não é mensurado, não é melhorado”. Por isso, assim que as ações de aperfeiçoamento de Gestão de SST estiverem em prática, também deve entrar em funcionamento o acompanhamento de efetividade.

Basicamente, você precisa se certificar de dois pontos:

  • Qual é o desempenho das ações executadas?
  • Está sendo executado conforme planejado?

Além de acompanhar o desempenho, é claro, você precisa verificar se há pontos de melhoria e qual a estratégia ideal para cada um.

5. Adote a tecnologia na gestão de SST

Todas as dicas apresentadas até aqui ajudarão a sua empresa a alcançar uma gestão de SST eficiente dentro da indústria. Porém, não há como imaginar o alcance do equilíbrio ideal sem a ajuda da tecnologia.

Afinal, é de responsabilidade da gestão de SST controlar as informações sobre segurança e saúde dos funcionários, bem como repassá-las corretamente ao eSocial. Sem um software capaz de fazer tudo isso de acordo com a nossa legislação, a conformidade completa se torna quase impossível.

Por isso é importante com a participação soluções especialistas para cumprir comas obrigatoriedades relacionadas à segurança e saúde do trabalhador

Um software é capaz de realizar o gerenciamento completo sobre as informações de segurança do trabalho e colocar em prática uma gestão eficiente sem a necessidade de processos manuais, anotações ou uso de planilhas.

Enfim, seguindo os passos apresentados neste texto certamente a sua equipe de DP ou RH conseguirá desenvolver uma gestão de SST eficiente e adequada à realidade da sua empresa. Com isso, todos os funcionários estarão mais seguros e com a certeza de cumprimento das obrigatoriedades legislativas.

Para contar com o melhor software de gestão de SST do mercado, entre em contato com os nossos especialistas.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.